Tudo sobre a artrite e a artrose

Sabemos que a artrite e a artrose são dois problemas distintos, mas ambos estão classificados como doença reumática, normalmente sendo feito tratamento com reumatologista ou com ortopedista. A artrite é uma doença inflamatória que atinge uma ou mais articulações e pode ter caráter agudo ou crônico. Existem vários tipos de artrite, como a artrite psoriática, artrite reumatóide, osteoartrite, artrite infecciosa, etc. As artrites atingem cerca de 10% da população masculina mundial e 15% das mulheres. A artrose é um processo degenerativo de desgaste da cartilagem, que afeta sobre tudo as articulações que suportam peso ou as que fazem movimentos em excesso, como por exemplo as cadeiras, os joelhos ou os pés. Esta doença vincula-se ao envelhecimento das articulações, ligado ao passar do tempo. A artrose não tem cura, mas os tratamento podem trazer melhora.

artrite e artrose

Saiba mais sobre Artrite e Artrose

Se você busca informação sobre sintomas, tratamentos e qual a diferença entre artrite e artrose, vei ao lugar certo. Leia tudo e fique por dentro deste assunto que trata sobre uma das denças reumáticas mais populares de todas.

 

Diferenças entre Artrite e Artrose

Artrite e artrose são doenças com causas e tratamento diferentes, porém com sintomas que podem ser muito semelhantes, o que costuma causar alguma confusão, fazendo com que as duas condições, que realmente são parecidas, sejam erradamente tratadas como uma patologia única.

Neste texto vamos procurar explicar de modo simples o que é artrite e o que é artrose, destacando suas diferenças.

Mas antes, é necessária uma rápida explicação do que são as articulações, já que esta é a estrutura comprometida em ambas condições.
 

A articulação é a região onde há conexão de dois ou mais ossos distintos. Exemplos: joelhos, cotovelo, punhos, tornozelo, ombros.

As articulações ao longo do corpo não são todas iguais. Algumas articulações são conectadas por um tecido fibroso, que cola um osso ao outro, tornando-os imóveis, como no caso dos ossos do crânio; outras são ligadas por cartilagens e permitem uma pequena mobilidade como os discos vertebrais que unem as vértebras da coluna.

Existem ainda as articulações móveis, que normalmente são ligadas por uma cartilagem e uma bolsa cheia de líquido (líquido sinovial) permitindo amplo movimento dos ossos com mínimo atrito entre eles, como é o caso do joelho, cotovelo, ombros, etc.

Na ilustração ao lado, mostramos em cores diferentes todos os ossos do crânio. Notem como eles estão grudados entre si e não se movem.

Compreenda o que é artrite.
ARTICULAÇÕES: COMPREENDA O QUE É ARTRITE

A exceção é a articulação que liga a mandíbula ao osso temporal (têmpora), chamada de articulação temporomandibular. Esta articulação é obviamente móvel, senão não seríamos capazes de abrir e fechar a boca para falar e mastigar, por exemplo. Esta articulação possui sinóvia, ou seja, cartilagem e líquido entre os ossos, permitindo sua mobilidade.

 

Artrite

A artrite é um processo inflamatório que se manifesta nas articulações, tendo como consequência, alguns sinais e sintomas (inchaço nas articulações, rigidez, dor) decorrentes de lesões articulares.

A palavra artrite significa literalmente inflamação da articulação, mas frequentemente é utilizada para se referir a um grupo de mais de 100 doenças reumáticas que podem causar dor, enrijecimento e edema das articulações. Estas doenças podem afetar não somente as articulações mas também outras partes do corpo, incluindo estruturas tão importantes como músculos, tendões, ossos, ligamentos e diversos órgãos internos.

Artrite é uma doença reumática que afeta milhões de pessoas.

A artrite apresenta diferentes fatores desencadeantes (causas). Dependendo de sua forma de manifestação, ela poderá ser classificada como Artrite Degenerativa, Artrite Gotosa, Artrite Piogênica Aguda, Artrite Psoriáca ou Artrite Reumatóide (a mais comum).

Artrite Reumatóide é uma doença comum e a prevalência pode chegar a 1,5% da população em algumas regiões. É mais freqüente em mulheres e costuma iniciar-se entre 30 e 50 anos de idade, mas compromete também homens e crianças.

Para que se desenvolva a doença, são necessárias algumas combinações de defeitos genéticos e a presença de um ou mais estímulos externos, o que faz com que a incidência em familiares de pacientes com Artrite Reumatóide (AR) não seja grande.

A dor da artrite decorre de diferentes fatores, dentre eles: inflamação da membrana sinovial, dos tendões, dos ligamentos, das fibras musculares, e fadiga. A combinação destes fatores contribui para a intensidade da dor.

A intensidade da dor na artrite varia grandemente de indivíduo para indivíduo. Cada pessoa possui um limiar diferente para a dor, o que depende de aspectos físicos e emocionais – depressão, ansiedade, e até mesmo hipersensibilidade nos locais afetados pela artrite.

 

 
Tipos de Artrite:

A Artrite Degenerativa é uma doença crônica. Um de seus principais sintomas é dor ao movimentar-se. Esta forma da doença degenera a cartilagem articular e causa hipertrofia nos ossos. As articulações mais acometidas por esta doença são as do joelho, coluna espinhal e as articulações coxofemorais.

A Artrite Gotosa é uma outra forma de manifestação da artrite, acometendo, principalmente, o sexo masculino. Ela é uma inflamação causada por microcristais minerais de urato. Ela se manifesta principalmente no dedo e dorso do pé, tornozelos, joelhos e cotovelos. Entre seus sintomas pode haver febre e limitação de movimentos por causa da dor.

A Artrite Piogênica Aguda afeta principalmente as articulações dos ombros, joelhos e coxofemorais. As menos acometidas por este tipo de artrite são as articulações dos tornozelos, cotovelos e punhos.

A Artrite Psoríaca possui esta definição em decorrência da doença de pele denominada psoríase. Assim sendo, a articulação pode ser seriamente prejudicada por esta doença.

A Artrite Reumatóide é uma doença auto-imune, ou seja, o sistema imunológico do corpo ataca seus próprios tecidos, neste caso, o alvo será sua própria cartilagem e revestimento articular. Esta doença causa inflamação e vermelhidão da articulação acometida, além de inchaço, dor, calor e perda da função.

As Artrites podem ser Agudas, Soronegativas, Infecciosas, Microcristalinas, Piogênicas ou Sépticas, Virais.

 

 
Tratamento da Artrite:

Nos últimos 10 a 15 anos foram se modificando os esquemas do tratamento da Artrite Reumatóide (AR). Velhos remédios estão sendo melhor usados e novos estão surgindo. Verificou-se que o tratamento precoce e, muitas vezes, associação de vários medicamentos desde o início proporciona melhor prognóstico. Os médicos estão fazendo diagnóstico mais cedo (talvez porque os pacientes estejam mais alertas quanto ao especialista que procurar), possibilitando a introdução precoce do melhor tratamento. Desse modo, maior número de pacientes está evoluindo melhor e ficando com menos deformidades e limitações. Porém, quando a causa de uma doença não é conhecida não há um tratamento curativo. E ainda há uma parcela significativa de portadores de Artrite Reumatóide (AR) que não têm a melhora desejada.

A desvantagem que um paciente com Artrite Reumatóide (AR) com má evolução tem é que a dor, a limitação de função ou a deformidade observável lembra-o que ele está doente. E mais:

- Amanhecer com dor e rigidez articular;

 

- Ter as atividades de parte ou todo dia limitadas;

 

- Não saber, ao deitar à noite, como será a manhã seguinte;

 

- Usar medicamentos que podem produzir efeitos colaterais;

 

- Fazer exames laboratoriais periódicos;

Artrite reumatóide tem tratamento.
TRATAMENTO DA ARTRITE

 

- Ter sempre que fazer exercícios sendo, muitas vezes, acompanhados de procedimentos fisioterápicos;

- Ter que consultar seu médico várias vezes ao ano; nem sempre sentir nele o amigo e conselheiro que o entende;

- Ter a desventura de não encontrar na família e amigos a compreensão acerca de suas limitações ou, ao contrário, haver exagero ou super preocupação quanto às suas reais limitações e dificuldades.

Estes são problemas sérios que pacientes e médicos devem conhecer e manejar adequadamente. Assim, pacientes e familiares devem estar conscientes das possibilidades evolutivas da Artrite Reumatóide (AR) e serem orientados sobre o melhor modo de se conduzirem. O paciente pode precisar de períodos de repouso e deve ser respeitado e auxiliado nessas ocasiões. Seus professores ou colegas de trabalho também devem ser acionados.

Apenas um médico especializado no assunto é capaz de determinar o melhor tratamento para cada paciente.

Veja as informações sobre o uso de Cloreto de Magnésio PA no tratamento da artrite.

 

 

Artrose

A artrose, também chamada de osteoartrite, osteoartrose ou artrite degenerativa, é uma artrite que ocorre por degeneração das cartilagens das articulações. A cartilagem é um tecido que serve como "almofada" ou "amortecedor" entre dois ossos.

A Artrose é um problema ocasionado pela perda da cartilagem.

A artrose, é uma doença degenerativa que afeta a cartilagem epifisial causando deterioração da mesma. Segundo especialistas:

"A artrose é um processo degenerativo de desgaste da cartilagem, que afeta sobre tudo as articulações que suportam peso ou as que fazem movimentos em excesso, como por exemplo as cadeiras, os joelhos ou os pés", destaca a Dra. Diana Dubinsky, médica reumatologista do Centro Antirreumático do Hospital de Clínicas de Buenos Aires.

A artrose, é uma doença degenerativa que afeta a cartilagem epifisial causando deterioração da mesma. Segundo especialistas:

"A artrose é um processo degenerativo de desgaste da cartilagem, que afeta sobre tudo as articulações que suportam peso ou as que fazem movimentos em excesso, como por exemplo as cadeiras, os joelhos ou os pés", destaca a Dra. Diana Dubinsky, médica reumatologista do Centro Antirreumático do Hospital de Clínicas, de Buenos Aires.

Esta doença vincula-se ao envelhecimento das articulações, ligado ao passar do tempo.

 

Dos mais de 100 tipos de artrite conhecidos, a artrose ou osteoartrose é o mais comum. Ela pode acometer qualquer articulação que tenha cartilagem, porém, na maioria dos casos a doença ataca as articulações das mãos, joelho, quadril e coluna. A artrose ou osteoartrose pode acometer uma ou várias articulações ao mesmo tempo.

A degeneração da cartilagem na artrose ocorre geralmente pelo envelhecimento da mesma. Podemos dizer que ela vai "gastando" ao longo dos anos, até o momento que os ossos passam a entrar em contato direto um com outro, fazendo com que o atrito dos movimentos também leve a lesão destes. Este processo de destruição da cartilagem, e posteriormente dos ossos, causa incapacitação da articulação afetada uma vez que qualquer movimento torna-se muito doloroso.

 

Além da idade, outros fatores contribuem para o aparecimento das artroses como a genética, obesidade, diabetes, hipotireoidismo, entre outras causas. Todas as causas de artrite citadas anteriormente também podem acelerar a destruição das cartilagens, podendo causar artrose precocemente. Outro fator importante são os traumas nas articulações. A artrose é uma doença progressiva e sem cura; quanto mais insultos sofrerem as articulações ao longo da vida, mais cedo ela se manifesta. Uma vez destruída, a cartilagem não se regenera.

A Artrose é uma doença reumática que causa degeneração da cartilagem.

 

Veja as informações sobre o uso de Cloreto de Magnésio PA no tratamento da artrose.

 


 

 

ARTRITE   BICO DE PAPAGAIO   TRATAMENTO PARA ARTRITE   REUMATISMO   ARTRITE SINTOMAS   DIFERENÇAS   OSTEOARTRITE E OSTEOARTROSE

 

Encontre aqui tudo o que você precisa saber sobre artrite e artrose.

Artrite & Artrose www.artriteeartrose.com.br - Revisado em Fevereiro de 2012.